fechar Fechar aviso

6 Motivos para Apostar em Iluminadores Líquidos e Cremosos

por Lara Lincoln

Eles estão por toda parte e dominaram os tutoriais de beleza: chega mais, iluminadores líquidos! De uns tempos para cá, observamos a tendência do matte sair de cena para dar espaço à pele glow que dominou as bancadas dos beauty artists e backstages das semanas de moda. Percebemos que o resultado fresh é completamente diferente do efeito oleoso no make e que pode, sim, ser usado por diversas pessoas. Foi exatamente nesse cenário que os novos iluminadores líquidos e cremosos protagonizaram, afinal, eles garantem o brilho na medida e que pode ser construído de acordo com a ocasião. 

Mas se você acha que esse tipo de produto é assunto exclusivo de experts, está enganada. Diferente do que muitos acreditam, iluminadores líquidos e cremosos são ainda mais práticos do que as versões tradicionais já que podem ser aplicados com os próprios dedos - ideal para deixar no nécessaire, hein? Além disso, eles também são multi-uso e podem ser utilizados até no corpo. Quer saber mais? Listamos seis motivos para você apostar nesse tipo de iluminador, já: 

Kendall Jenner - kendall-jenner-maquiagem-glow-fresh-iluminada - pele iluminada - verão - red carpet
Foto: Kendall Jenner (Reprodução/Instagram)

1. Dá para transformar a base: que tal aplicar umas gotinhas do iluminador cremoso na sua base matte? Com essa dica, o produto ganha leves partículas de brilho e quando entra em contato com a pele garante o glow que vem de dentro. Se quiser potencializar o efeito, finalize a produção com mais um pouco do produto nos pontos principais como têmporas e topo do nariz. 

Gabrielle Richardson - gabrielle-richardson-maquiagem-beleza-pele-iluminada - pele iluminada - verão - estúdio
Foto: Gabrielle Richardson (Reprodução/Instagram)

2. Adaptam-se ao momento: iluminadores líquidos e cremosos são perfeitos para o dia a dia. Dá para aplicar só um pouco em algumas regiões e ir dando leves batidinhas com os dedos mesmo até esfumar completamente. Diferente dos em pó, as partículas de brilho desse tipo de produto são mais discretas e não ficam tão marcadas na pele.  

Lucy Hale - lucy-hale-maquiagem-fresh-iluminada-glow - pele iluminada - verão - estúdio
Foto: Lucy Hale (Reprodução/Instagram)

3. Maior controle na aplicação: com iluminadores líquidos e cremosos é possível depositar o produto apenas em áreas que você deseja iluminar como topo do nariz, abaixo da sobrancelha e cantinho interno dos olhos. Nessa versão, o glow fica só em uma região ao invés de se espalhar por todo o rosto como acaba acontecendo com as partículas do produto em pó. 

Shay Mitchell - shay-mitchell-maquiagem-glow-fresh-iluminada - pele iluminada - verão - estúdio
Foto: Shay Mitchell (Reprodução/Instagram)

4. São poderosos se aplicados no corpo: pode ir sem medo e depositar algumas gotinhas do seu iluminador em colo e ombros. As celebs são fãs do efeito que valorizam a região e ainda dão um up no decote. Também vale em pernas e braços, viu?

Rihanna  - rihanna-maquiagem-glow-fresh - pele iluminada - verão - red carpet
Foto: Rihanna (Reprodução/Instagram)

5. É possível construir camadas: e o efeito não fica artificial ou craquelado. Aplicou uma gotinha e ainda não acha que é o suficiente? Simples, é só esfumar mais algumas por cima e ir compondo camadas de acordo com a sua necessidade. 

Vanessa Hudgens - vanessa-hudgens-maquiagem-glow-iluminada - pele iluminada - verão - estúdio
Foto: Vanessa Hudgens (Reprodução/Instagram)

6. Funcionam como primer do iluminador em pó: esse truque é para quem ama mesmo a pele iluminada. Deposite um pouco do iluminador líquido ou cremoso na pele e, em seguida, aplique o em pó por cima para potencializar o efeito e deixar o produto no lugar a noite toda. A combinação de creme + partículas é infalível para fixação. 

FOLLOW US ON instagram

Deixe um Comentário
Você também vai gostar