STEAL THE LOOK | SHOP - ACESSE!
fechar Fechar aviso

Meet the Stealers: Catharina Dieterich

por The Look Stealers

O que esperar de uma pessoa que tem no sobrenome as palavras Diet&Rich? Uma personalidade criativa, cheia de energia e alto astral. Essas são algumas das características que descrevem muito bem a nossa co-founder e editora de conteúdo, Catharina Dieterich. Para quem não a conhece - ou conhece mas morre de curiosidade de saber um pouco mais sobre ela -, a Catha fundou o Steal The Look, ao lado da Manuela Bordasch, para assumir toda a parte de informação do site. Ela é a responsável por aprovar todas as pautas que rolam por aqui e até mesmo incentivar as nossas ideias mais malucas - inclusive quando queremos correr para o McDonalds às 5pm ou encomendar 100 unidades de coxinha!

Formada em moda e pisciana nata, o que explica toda a vibe paz e amor que acompanha a Catha, ela é dona de um estilo próprio, cool e cheio de referências fashion. Ah, e sobre esse assunto não precisamos nem dizer que ela domina né? Tendência é quase um sobrenome da nossa editora que consegue adiantar as peças que irão bombar no street style antes mesmo delas começarem a bater ponto. Detalhes à parte, se você quiser saber mais sobre a trajetória, conselhos profissionais, inspirações para chegar lá e como ela concilia Los Angeles e Brasil, a nossa co-founder abriu o jogo, abaixo: 

Catharina Dieterich - moda steal the look - moda steal the look - todas - estilo

Eu sempre amei moda e por muito tempo (até os meus 25 anos de idade) eu não achava que podia trabalhar com isso. Eu estudei engenharia de produção, fiz cursos de contabilidade, economia, etc, até que vi que eu deveria seguir meu coração e trabalhar com a minha verdadeira paixão. Foi aí que eu consegui um trabalho com uma stylist, aqui em Los Angeles. Me matriculei na faculdade de Fashion Merchandising no Otis College of Arts and Design e em um curso de costura. No fim, o que eu trabalho hoje não tem nada a ver com o que estudei, mas com certeza me ajudou a encontrar um foco. Aí eu segui procurando o que amava e acabei encontrando um emprego com uma stylist de celebridades. E acreditem: o dia que mais marcou meu trabalho com ela foi o que fotografamos a capa da revista Esquire com a Rihanna - pasmem - pelada! Todo o trabalho, retirada de roupas e encomendas de fora dos Estados Unidos em vão! Mas foi um dia marcante e, que apesar de querer gritar de raiva, serviu muito para o meu crescimento profissional. 

Capa Rihanna/ - rihanna-capa-ensure - Capa revista - todas - capa estúdio
Foto: Capa Rihanna Esquire

Catharina Dieterich - moda-steal-the-look-estilo - steal the look - toda - street style

Nunca! Primeiro porque quando eu decidi que queria trabalhar com moda eu me imaginava trabalhando em uma revista ou como stylist. Quando o STL deixou de ser um hobbie e passou a ser a minha ocupação principal, tudo foi acontecendo, à medida que batalhávamos mais e mais. O objetivo nunca foi ser o maior ou o melhor. E sim, ter uma empresa legal para trabalhar com a minha paixão.

Catharina Dieterich - moda-estilo-steal-the-look - moda - todas - street style

O mais importante é esquecer do EGO. E digo isso em letras maiúsculas, pois percebi que o ego é o grande vilão no mercado da moda. Dê o seu melhor, independentemente de ter seu nome estampado em um trabalho que está fazendo. Hoje muitos buscam o reconhecimento mas ele é uma consequência do sucesso e não deve ser o objetivo principal. 

Ter persistência, ser profissional, responsável e pesquisar, pesquisar e pesquisar, não só assuntos sobre moda, mas sobre tudo! E quando falo em ser profissional, quero dizer que é preciso valorizar qualquer trabalho, respeitar a empresa e os colegas de trabalho, e levar o trabalho à sério, independentemente de estar ou não no cargo desejado. Nem todo mundo - ou eu poderia dizer, que quase ninguém? - começa fazendo o que ama e muitas vezes é necessário passar e aprender em outras áreas que não gostamos, fazendo coisas que não gostamos, para sabermos exatamente aonde queremos chegar. 

Não se esqueça: no mercado da moda, assim como em muitos outros, existe um fluxo grande de funcionários em uma empresa. E aquela gerente que viu que você era um estagiário dedicado, por exemplo, pode cruzar com seu currículo em outras oportunidades e certamente ela lembrará das suas qualidades.

Catharina Dieterich - moda-estilo-entrevista-estilo - moda - todas - street style

A rotina varia de acordo com a cidade em que estou. Aqui em Los Angeles, eu trabalho de casa: aprovo fotos e pautas assim que conecto e tiro as dúvidas do time de conteúdo. Depois, eu corrijo os posts já prontos, passo detalhes a serem mudados e parto para a parte que eu mais gosto que é a de pesquisar tendências.
Quando estou em São Paulo é mais corrido, como eu não moro mais no Brasil, aproveitamos para marcar todas as reuniões mais importantes e que eu preciso estar. Então acaba não existindo uma rotina. Mas eu alio reuniões, eventos e fotos que fazemos no escritório com os meus deveres do dia a dia. 

Catharina Dieterich - moda-roupa-estilo-look - moda - todas - street style

Além de força de vontade e proatividade, é essencial ter a cabeça aberta e saber receber críticas. E claro, muitas referências, senso estético e escrever bem são fatores essenciais. 

Catharina Dieterich - moda-estilo-entrevista-steal-the-look - moda - todas - street style

Saiba que dedicação vale muito mais do que potencial. Muita gente pode morrer sendo um potencial se não for um profissional esforçado. Mas uma pessoa dedicada, que corre atrás dos seus objetivos pelo bem da equipe e da empresa em que está trabalhando, vai longe, muito longe.

Catharina Dieterich - moda-estilo-entrevista-steal-the-look - moda - todas - street style

É difícil, mas dá! Com muita vontade, dedicação, trabalho duro e organização. 

Catharina Dieterich - moda-estilo-entrevista-steal-the-look - moda - todas - street style

Difícil listar só um, mas quando decidi que ia largar meu trabalho na AMARO e me dedicar full time ao Steal The Look. Na época nós não faturávamos nem para pagar nossos próprios salários e foi uma aposta enorme!

Catharina Dieterich - moda-estilo-entrevista-steal-the-look - moda - todas - str

Acredito que as diferenças estão cada vez menores mas sinto que no Brasil a mulher ainda tem mais medo de ousar e acaba criticando um pouco o diferente. Mas isso está mudando, o que eu amo! Temos que saber admirar o diferente. O legal é ser você mesmo, amar seu tipo de corpo, seu estilo e também saber achar bonito o outro com suas características próprias. 

Catharina Dieterich - moda-estilo-entrevista-steal-the-look - moda - todas - street style

O fuso horário e o fato de não estar presente fisicamente todos os dias são os maiores desafios. Eu preciso me preparar e estar sempre à frente do tempo, para que não tenhamos problemas devido ao fuso. Mas também existem muitas coisas boas em trabalhar com conteúdo de moda e morar aqui, pois eu busco referências onde quer que eu vá. As pessoas se levam menos a sério aqui, têm menos medo de se vestir como bem entendem, o que é ótimo e super inspirador. 

FOLLOW US ON instagram

Deixe um Comentário
Você também vai gostar