PUSH - compre agora seu ingresso

10 hábitos que transformaram a minha pele

por Giulia Coronato

Desde que comecei a entrar na puberdade, eu venho tendo problemas com acne. Minhas bochechas viviam lotadas de espinhas, e meu rosto sempre estava super avermelhado (graças a combinação: pele oleosa + espinhas + rosácea). Eu me lembro de lotar o meu rosto de base todos os dias para ir pra escola, e mesmo assim, tinha muita vergonha de falar com as pessoas de perto, com medo delas perceberam que eu tinha muita acne. 

Depois de passar em milhares de dermatologistas, fazer milhares de tratamentos (até antibiótico eu cheguei a tomar), eu aprendi que acne é na verdade um reflexo de todo o nosso organismo, logo, não adianta usar diversos produtos e passar horas fazendo skincare, se a sua alimentação e seus hábitos não são saudáveis. 

Eu, como veterana dos problemas da cútis, vim te contar 10 hábitos que eu adquiri no meu dia-a-dia e transformaram completamente a minha pele. Vem ver: 

It girl - Roupão - Skincare - Inverno - Caseiro
Foto: (Reprodução/Pinterest)
Pergunta - Pergunta - Pergunta - Inverno - Pergunta

Você já deve estar cansada de ouvir que beber água faz bem para a pele. E é verdade! A água ajuda a desintoxicar o organismo e controlar a oleosidade da pele, consequentemente controla o surgimento de espinhas. No começo pode parecer difícil se policiar a beber 3L todos os dias, mas quando vira costume, vira uma necessidade! A minha dica é comprar uma garrafinha de 500ml e se policiar a beber 6 dela por dia.

-               -               -               -

Trocar lençóis, fronhas e toalhas com frequência pode parecer um hábito nada relacionado ao surgimento de acne, certo? É aí que você se engana! Esse tecidos absorvem suor e bactérias da nossa pele, dessa forma para evitar que a pele fique em contato constante com lençóis e toalhas "sujos" é recomendado trocar pelo menos 1 vez por semana. 

-               -               -               -

Comecei a beber um copo de água todas as manhãs, logo que eu acordo. Deixo um copo do lado da cama para não ter como esquecer e notei muitas mudanças no meu corpo e na minha pele desde então. Beber água em jejum aumenta a produção de novas células de músculos e do sangue. Além disso, depois de nutrir suas células, a água potável irá expulsar toxinas indesejadas para fora do corpo, além de manter a pele hidratada. 

-               -               -               -

Como eu sempre tive a pele muito oleosa, acreditava que quanto mais eu lavasse, melhor seria. Isso é um erro muito comum, que muitas pessoas com pele oleosa, tendenciosa a ter acne, cometem. Porém, limpar o rosto várias vezes ao dia é um dos responsáveis pelo chamado efeito rebote, em que a pele entende que precisa produzir mais sebo. Agora eu só lavo meu rosto 1 vez ao dia, (com produtos específicos para minha pele) a noite antes de dormir. 

-               -               -               -

Eu sempre enchi meu rosto com camadas e mais camadas de maquiagem para esconder a acne. Só quando levei muita bronca de vários dermatologistas que comecei a perceber o quanto isso prejudicava minha pele e aumentava (MUITO) o surgimento de espinhas! As maquiagens entopem os poros, dessa forma elevam a produção de óleo pelas glândulas sebáceas causando cravos e espinhas. Comecei com um desafio de somente me permitir usar maquiagem 1 vez por semana, e em um mês seguindo essa rotina já percebi uma melhora gigantesca no aspecto das minhas lesões.

-               -               -               -

Sempre ouvi da minha mãe e das minhas avós que a exposição ao sol ajudava a secar as espinhas e deixar a pele mais bonita e brilhante. Outro erro que cometi por muito tempo, e acredito que muitas pessoas também cometem. A exposição ao sol (sem proteção) é outro hábito que causa um efeito rebote, pois melhora o aspecto da pele em curto prazo, mas depois, incentiva a produção de óleo. Além de que o contato em excesso com radiação UVB e UVA podem promover o aparecimento de manchas nos locais das lesões.

-               -               -               -

Com o tempo, aprendi que não adianta tratarmos da acne superficialmente sem se preocupar com o que ingerimos. Alguns alimentos podem contribuir muito para a produção de óleo e sebo, e evitar consumi-los em grande quantidade faz toda a diferença para a pele. Comidas que elevam o nível de açúcar no sangue, como doces e carboidratos, por exemplo, são alguns deles. Pois quando consumidos muito desses alimentos, aumenta a produção de insulina no nosso corpo, e esse hormônio em grande quantidade influencia muito a produção de sebo pelas glândulas sebáceas. 

-               -               -               -

Assim como lençóis e toalhas, os pincéis de maquiagem absorvem muita sujeira, bactérias e fungos e usá-los sem higienizar com frequência ocasionam em irritações e infecções na pele. Agravando muito a acne!

-               -               -               -

As vezes chegamos de uma festa e só queremos colocar o pijama e deitar na cama, eu entendo. Mas é de EXTREMA importância que sempre tiremos a maquiagem antes de dormir! Essa atitude pode ser responsável pelo surgimento de acne no dia seguinte e a longo prazo.  Isso acontece, porque a maquiagem entope os poros da pele e não deixa que o sebo produzido pelas glândulas sebáceas sejam eliminados, causando assim uma inflamação que leva ao aparecimento da acne.

-               -               -               -

Passar as mãos no rosto ou espremer as espinhas, agravam MUITO a situação da acne! Além de nossas mãos estarem quase sempre sujas, o ato de constantemente tocar o rosto, aumenta a produção de sebo, consequentemente aumentando a oleosidade do rosto e o surgimento de cravos e espinhas.  

FOLLOW US ON instagram

Deixe um Comentário
Você também vai gostar