As mulheres brasileiras que fazem toda a diferença na moda sustentável

por Giulia Coronato

Cada vez mais, a moda brasileira vira um dos dos carros-chefes para a exposição e visão positiva do país ao redor do mundo. Hoje, o Brasil se destaca em diversos setores produtivos da indústria, da cadeia têxtil e de confecção até o surgimento de novos designers e a ampliação da moda sustentável, movimentando mais de US $90 bilhões em faturamento anualmente, segundo o Portal Apex

Muito dessa imagem positiva e pioneirismo em diversos setores da moda sustentável, se devem às mulheres da indústria que se colocam à frente do movimento, criando soluções verdes para antigos problemas e acabando com padrões problemáticos, fazendo da moda nacional, não só lucrativa e interessante economicamente, como também precursora em diversos sentidos. 

Recentemente, fizemos um conteúdo sobre as mulheres que mais priorizam a sustentabilidade na indústria da moda internacional, que estão à frente do movimento, trazendo inovações e se questionando sobre todos os setores da produção de uma peça de roupa. Hoje, para continuar e nos aprofundar ainda mais no tema, trouxemos os nomes das mulheres brasileiras que fazem toda a diferença na moda sustentável nacional. Continue aqui e conheça mais do trabalho de cada uma delas: 

yamê reis

It girls - moda sustentável - moda sustentável - Verão - Street Style  - https://stealthelook.com.br
Foto: Yamê Reis (Reprodução)

Yamê Reis é uma das mulheres com a carreira mais relevante e longa da história da moda sustentável nacional. Socióloga, com especialização em sociologia política e designer de moda. Yamê já atuou no cargo de liderança criativa de grandes marcas brasileiras, como a Cantão, Totem, Le Lis Blanc e Mercatto. Em 2017 fundou a Moda Verde, empresa de curadoria de conteúdo, mentoria e consultoria, que atua criando projetos para tornar a moda nacional mais sustentável. É idealizadora e criadora do Rio Ethical Fashion, o primeiro Fórum Internacional de Moda Sustentável, além de ser membro convidada da Comissão dos Direitos da Moda da OAB-RJ, e membro da Union of Concerned Researchers in Fashion (UCRF).

carol barreto

It girls - moda sustentável - moda sustentável - Verão - Street Style  - https://stealthelook.com.br
Foto: Carol Barreto (Reprodução)

Carol Barreto é outra que merece destaque na lista de mulheres brasileiras que fazem muito pela sustentabilidade na indústria. Designer de moda, professora do departamento de estudo de gênero e feminismo da UFBA e uma das estilistas que integrou por muitos anos o time do Afro Fashion Day, Carol está há anos na linha de frente da sustentabilidade. Idealizadora do método Modativismo, a empresária tem além do pilar da sustentabilidade, a perspectiva de romper com os estereótipos da negritude. 

flavia aranha

It girls - moda sustentável - moda sustentável - Verão - Street Style  - https://stealthelook.com.br
Foto: Flavia Aranha (Reprodução)

Não tem como falar de moda sustentável nacional sem falar de Flavia Aranha. A estilista e empresária foi uma das primeiras a trazer para o mercado brasileiro o pilar da sustentabilidade, desde 2009 com sua marca própria, Flavia é precursora no conceito de slow fashion, foi a primeira marca de moda no Brasil a ganhar o selo B, dado a empresas sustentáveis, já fez parceria com a USP para desenvolver um processo de como aplicar o corante natural em grande escala, investiga novas matérias primas mais limpas como o látex da Rondônia e é participante anual do Green Showroom, evento em Berlim focado na moda sustentável. Se você não conhece as criações e o conceito por trás da marca Flavia Aranha, vale muito conhecer! 

eloisa artuso

It girls - moda sustentável - moda sustentável - Verão - Street Style  - https://stealthelook.com.br
Foto: Eloisa Artuso (Reprodução)

Com quase 20 anos de experiência no mercado, Eloisa Artuso é uma força na moda sustentável brasileira. Atualmente trabalha com desenvolvimento de pesquisa e conteúdo, criação e planejamento de projetos com foco na defesa dos direitos humanos e meio ambiente na indústria da moda. Eloisa é co-founder do Instituto Fashion Revolution Brasil - primeira plataforma do país criada exclusivamente para fomentar a pesquisa e o debate sobre sustentabilidade na moda - movimento global que promove transparência, sustentabilidade e ética, professora de design sustentável do Istituto Europeo di Design-IED e uma das fundadoras da plataforma Febre.

fernanda simon

It girls - moda sustentável - moda sustentável - Verão - Street Style  - https://stealthelook.com.br
Foto: Fernanda Simon (Reprodução)

E por último, mas não menos importante, Fernanda Simon, co-founder e diretora executiva do Fashion Revolution Brasil. Simon é formada em moda pela Faculdade Santa Marcelina e iniciou sua carreira com moda e sustentabilidade na Inglaterra, trabalhando ao lado de Jocelyn Whipple. Responsável por trazer o movimento global do Fashion Revolution para o Brasil, Fernanda lidera campanhas, projetos e eventos sobre o tema, além de ter sido nomeada como a primeira editora de sustentabilidade da Vogue Brasil.

Você também vai gostar