Derrubando mitos sobre alimentação vegana com receitas fáceis

por The Look Stealers

Você provavelmente já ouviu falar sobre a alimentação vegana, a dieta que dispensa o consumo de alimentos derivados de animais. Inclusive, o veganismo é um estilo de vida que tem aumentado cada vez mais no mundo todo. A diferença entre uma pessoa vegana e vegetariana é bem simples: enquanto o primeiro não consome absolutamente nada de origem animal, o veggie (ou vegetariano), ainda pode ingerir ovo e leite, por exemplo.

O consumo de carne tem diminuído cada vez mais no mundo todo, a população tem encontrado diversas alternativas para ter um lifestyle mais sustentável e que respeite o meio ambiente, e uma das principais mudanças vem da alimentação.

Trelawney - alimentação saudavel - alimentação vegana - outono - brasil - https://stealthelook.com.br
Foto: Trelawney (Reprodução/Instagram)

O nosso país é culturalmente habituado ao consumo excessivo de carne e quando um brasileiro torna-se vegano, ele logo encontra várias dificuldades, como por exemplo, encontrar alimentos vegan em padarias, restaurantes e lanchonetes. Aliás, é preciso até mesmo lidar com os tabus e preconceitos relacionados ao estilo de vida. Para desvendar todos os mitos sobre a alimentação vegana, conversamos com a nutricionista Milena Hernandes que, além de ser vegana, também é pós graduada em Nutrição Vegetariana. 

_vegana e brasileira

Milena tornou-se vegana no final de 2019, mas a alimentação baseada em plantas não era novidade para ela. Há oito ela já era vegetariana, a decisão veio porque ela praticava yoga e foi influenciada pelo meio, mas após um tempo, quando foi fazer intercâmbio, voltou a consumir carne. Quando chegou de viagem e foi morar sozinha percebeu que não gostava de cozinhar carne, então voltou ao universo vegetariano. 

Ao longo do curso de nutrição, Milena frequentou eventos de vegetarianismo e veganismo, e todas as informações que ela aprendeu ali, unidas à causa animal, fizeram sentido e deram ainda mais forças para ela mudar para sempre a sua alimentação: “um modo de viver que busca excluir, na medida do possível e praticável, todas as formas de exploração e crueldade contra os animais”.

A maior dificuldade em ser vegana e brasileira para ela é encontrar produtos industrializados veganos e com preços acessíveis, mas ela deixa claro que eles não devem fazer parte da rotina alimentar de ninguém, mas são eles que trazem memória afetiva. 

_derrubando os mitos

Quando se trata de alimentação vegana, um dos principais pensamentos de quem não possui conhecimento sobre a alimentação, é que ela não oferece os nutrientes necessários para o corpo humano e Milena diz que esse é um grande tabu. O veganismo não causa nenhum tipo de deficiência nutricional e, que tanto pessoas veganas quanto as não veganas, devem cuidar da saúde da mesma maneira, através de exames de rotina e com acompanhamento de profissionais capacitados. Há apenas uma vitamina que não é encontrada em alimentos que não são de origem animal, a B12, logo todos os veganos e provavelmente os vegetarianos precisam suplementar através de medicação e terão pro resto da vida.

Mas não pense que a população onívora - que consome carnes e alimentos de origem animal - está isenta da reposição da B12. “Estima-se que 40% da população onívora possui deficiência de vitamina B12, enquanto a porcentagem entre os vegetarianos é de 50%. Isso acontece porque quando ingerimos a vitamina b12 pela alimentação, dependemos de alguns fatores relacionados ao funcionamento do nosso organismo para absorver esse nutriente. Fora a B12, qualquer outro nutriente pode ser encontrado em uma alimentação 100% vegetal e variada”, afirma a nutricionista.

Você ficou interessada em aderir à alimentação vegana, mas ainda há um receio de que sentirá falta de alimentos que considera gostosos? A Milena te indica cinco receitas que irão garantir à você uma alimentação saudável e com respeito à causa animal e, ainda assim, deliciosas!

_leite condensado

O leite condensado é um clássico nos nossos doces e segundo Milena existem algumas receitas de doces à base de leite vegetal. Há receitas feitas com leite de aveia, leite de castanhas ou até mesmo de amêndoas, mas a sua preferida é com leite de coco em pó. Ele oferece uma textura e sabor idênticos ao tradicional. Para fazer um leite condensado vegetal você irá precisar de:

> 150g de leite de coco em pó (você pode achar em lojas que vendem produtos a granel ou talvez mais barato na internet);

> 100g de açúcar demerara, cristal ou refinado - pode até usar o mascavo ou de coco, mas vai ficar marrom);

> 120ml de água bem quente.

Bata tudo no liquidificador até obter uma mistura homogênea. Você pode usá-lo para fazer brigadeiro, sem manteiga, beijinho e qualquer outra receita que ame com leite condensado. 

hamburger de grão de bico - hamburger de grão de bico - alimentação vegana - receitas - brasil - https://stealthelook.com.br
Foto: Plante (Reprodução)

_hambúrguer

Para as amantes do fast food a falta deles na alimentação vegana pode ser um problema, mas existem diversas soluções, como o hambúrguer de lentilha ou de qualquer outra leguminosa, como o grão de bico, feijão, ervilha, soja. Para o hambúrguer de lentilha você irá precisar de:

> 500g de lentilha cozida;

> uma xícara de farinha de aveia;

> uma cebola média;

> um dente de alho;

> uma colher de sopa de azeite;

> meia colher de sopa de sal;

> pimenta a gosto. 

Coloque todos os ingredientes em um processador de alimentos e processe até obter uma mistura que desgruda das mãos. Faça bolinhas com a massa e achate para ficar no formato de hambúrguer, depois é só congelar e assar por 20 minutos em forno médio, se preferir, faça na frigideira com azeite.

bolo de chocolate vegano - bolo de chocolate vegano - alimentação vegana - receitas - brasil - https://stealthelook.com.br
Foto: Gshow (Reprodução)

_bolo de chocolate

O bolo é uma sobremesa que amamos, principalmente de tarde com um capuccino, e se for um bolo de chocolate é ainda melhor. Para fazer um bolo de chocolate vegano utilize: 

> três xícaras de chá de farinha de aveia;

> uma xícara de chá de polvilho doce;

> duas xícaras de chá de açúcar mascavo;

> 3/4 de xícara de cacau em pó;

> meia xícara de óleo vegetal;

> uma colher de sopa de fermento químico;

> duas colheres de sopa de vinagre de maçã;

Misture todos os ingredientes, mas deixe o fermento e o vinagre por último. Unte uma forma com óleo, farinha ou cacau e asse em forno com temperatura alta por 30 a 40 minutos.

grãomelete - grãomelete - alimentação vegana - receitas - brasil - https://stealthelook.com.br
Foto: Samanta Luz (Reprodução)

_omelete vegano

Claro que o omelete não é um alimento presente na alimentação vegana, mas a solução é o chamado grãomelete, super fácil ele é um alimento perfeito para os dias que você deseja algo rápido e delicioso. Para fazer essa receita use:

> três colheres de sopa de farinha de grão de bico;

> seis colheres de sopa de água, pode adicionar mais caso ache necessário;

> uma colher de sopa de azeite;

> sal e temperos a gosto;

> uma colher de sobremesa de fermento em pó.

Misture todos eles, exceto o azeite, em um recipiente. Em fogo baixo, coloque o azeite e os demais ingredientes e tampe. Espere secar, vire até dourar dos dois lados e pronto!

_pão de queijo vegano

O pão de queijo é uma receita tradicional brasileira amada por muitos e é possível adaptá-lo para o veganismo. A Millena conta que o que dá a textura de pão de queijo é na verdade o polvilho, e você pode ainda adicionar levedura nutricional, que é um ingrediente que vai deixar com um gostinho de queijo. Os ingredientes para a receita são:

> duas xícaras de polvilho doce;

>meia xícara de polvilho azedo;

> ¼ de xícara de azeite;

> duas xícaras de mandioquinha cozida;

> sal a gosto;

> água até a massa desgrudar da mão;

> duas colheres de sopa de chia.

Misture todos os ingredientes até a massa desgrudar da mão, faça bolinhas e disponha em uma assadeira. Asse por 30 minutos em temperatura média.

Deixe um Comentário
Você também vai gostar