Essas são as marcas brasileiras e sustentáveis que estão no radar da nossa editora de moda

por Aline Santos

Vamos começar logo de cara adiantando que, se você curte uma moda mais consciente e está constantemente procurando por novas marcas brasileiras com viés sustentável para conhecer, esse post é o seu lugar. Não é segredo para ninguém que sempre estamos com nossos radares fashion ligados, atentas a tudo o que acontece nesse universo, sejam as novas tendências ou os projetos que se destacam. Bom, e temos que dizer que, já faz um tempo que temos amado acompanhar as etiquetas integrantes do projeto Nordestesse

Se você nos acompanha no dia a dia, deve ter visto que falamos algumas vezes sobre esse hub criativo - um espaço colaborativo que conecta pessoas, promovendo trocas e experiências, por exemplo - que tem dado voz e visibilidade para marcas brasileiras da região Nordeste do nosso país. Além de fomentar a moda nordestina, o projeto também têm como uma de suas principais preocupações a sustentabilidade. Por aqui, a nossa editora-chefe, Aline Santos, não deixou escapar nada, e nos contou um pouco sobre algumas marcas que trazem essa perspectiva em suas essências. Vem ver:

MB Conceito - camisa estampada com calça - marcas brasileiras - Inverno 2022 - campanha - https://stealthelook.com.br
Foto: MB Conceito (Reprodução/Instagram)

mb conceito e balbina

Para começar vamos falar sobre uma dupla de marcas brasileiras super descoladas e elegantes, a MB Conceito e a Balbina, ambas criadas e comandadas pelo diretor criativo Moab Barros. Apesar de cada uma das etiquetas terem segmentos e públicos-alvo diferentes, as duas têm em comum o objetivo de resgatar a ancestralidade negra e exaltar seu protagonismo na moda nacional. Além disso, a fim de diminuir o desperdício e o descarte de resíduos, Moab também criou um sistema de reaproveitamento das sobras dos tecidos utilizados nas coleções regulares. Desenvolvendo patchworks mega criativos e estilosos, dos quais são utilizados na criação de novas peças únicas e exclusivas.

Meninos Rei - criações Meninos Rei - marcas brasileiras - Inverno 2022 - desfile - https://stealthelook.com.br
Foto: Meninos Rei (Reprodução/Instagram)

meninos rei

Muito conhecida no cenário da moda nacional por suas criações urbanas e ressignificadas, feitas em tecidos africanos - que são tradicionalmente usados em vestimentas de cerimônias do Candomblé -, a marca Meninos Rei também se preocupa com o impacto do descarte de seus resíduos no meio ambiente. E pensando justamente nesse ponto, uma das soluções abordadas para dar um destino mais sustentável e consciente para as sobras e retalhos não aproveitados, são doados para uma empreendedora de Itapuã - bairro tradicional da capital baiana -, que os transforma em acessórios e artesanatos super coloridos e cheios de cultura enraizada.

Azulerde - brinco azul - marcas brasileiras - Inverno 2022 - campanha - https://stealthelook.com.br
Foto: Azulerde (Reprodução/Instagram)

azulerde

Tendo como principais inspirações, as artes visuais e a representatividade afro futurista para a construção da sua essência, a Azulerde apresenta em suas criações uma representação contemporânea de sua ancestralidade. Atrelado a isso, também se destaca a sua forte preocupação com uma produção de viés sustentável, onde, desde o nascimento da marca em 2017, grande parte de suas peças tem algum elemento oriundo do reaproveitamento de resíduos sólidos de outros mercados. Dentre os materiais que mais se destacam estão: os acrílicos, reciclados ou coletados de empresas de sinalização de Recife; madeiras naturais, vindas de uma indústria de persianas também recifense; e laminados, de uma marcenaria de Moreno. Esses materiais são empregados nos detalhes dos acessórios e aplicações das peças, gerando diretamente a circularidade de subprodutos.

Ateliê Mão de Mãe - look vermelho - marcas brasileiras - Inverno 2022 - campanha - https://stealthelook.com.br
Foto: Ateliê Mão de Mãe (Reprodução/Instagram)

ateliê mão de mãe

As marcas brasileiras de moda integrantes do projeto Nordestesse, abordam a sustentabilidade de maneiras diferentes, enquanto algumas já conseguem empregar esse viés para o processo como um todo, outras ainda estão expandindo para seus setores. No caso da Ateliê Mão de Mãe, por exemplo, esse conceito está intrínseco à escolha de seus materiais, já que trabalha com o algodão, uma matéria-prima natural. Além disso, não podemos deixar de destacar a parceria super bacana com a iniciativa Sou de Algodão, que busca promover uma ideia de consumo de moda mais consciente e responsável.

Santa Resistência - vestido longo preto - marcas brasileiras - Inverno 2022 - desfile - https://stealthelook.com.br
Foto: Santa Resistência (Reprodução/Instagram)

santa resistência

A Santa Resistência, da estilista Mônica Sampaio, tem como um de seus pilares a sustentabilidade. Além dos processos, que buscam aproveitar e reaproveitar ao máximo suas matérias-primas, a etiqueta prioriza também os ideais limpos dos fornecedores com os quais trabalha. Um exemplo é a Lunelli Têxtil, uma de suas patrocinadoras, que tem compromisso com processos sustentáveis, que vão desde a certificação até o tratamento da água que utiliza. A Santa, que também é uma das marcas brasileiras de moda integrantes do projeto Sankofa, em seu último desfile para SPFW, apresentou dois looks criados a partir de tecidos cedidos por um grande conglomerado de moda brasileiro, o grupo SOMA, ressignificando e transformando tais materiais em novas peças.

Grão - vestido longo rosa - marcas brasileiras - Inverno 2022 - campanha - https://stealthelook.com.br
Foto: Grão (Reprodução/Instagram)

grão

Focada em slow fashion, a Grão é uma marca de moda sustentável criada por Renata Pinheiro. Com uma produção de baixo volume e sob demanda, a etiqueta tem como um de seus maiores diferenciais os métodos de tingimento 100% naturais, que não utiliza nenhum tipo de corante químico ou qualquer outro aditivo tóxico. Além disso, faz uma curadoria de tecidos e materiais biodegradáveis a serem usados em suas criações, e realiza a reutilização dos extratos tintórios - oriundos de seus processos de tingimento, que são internos, e podemos dizer que quase artesanais. E não para por aí, já que também reaproveita suas sobras têxteis para confecção de outros itens, como brindes.

DePedro - looks crochê azul - marcas brasileiras - Inverno 2022 - campanha - https://stealthelook.com.br
Foto: DePedro (Reprodução/Instagram)

depedro

Ser sustentável tem se tornado um dos principais pilares de grande parte das marcas brasileiras de moda, como também é o caso da DePedro, do diretor criativo Marcus Figueirêdo. Desde a criação da etiqueta, o estilista busca conciliar práticas sustentáveis com a arte dos artesãos do Seridó, resgatando as raízes do sertão de forma respeitosa e consciente. A essência primordial da marca sempre esteve muito atrelada às três bases principais da sustentabilidade - social, econômica e ambiental -, logo muitas de suas práticas são regidas por esses conceitos. Dentre elas, destacamos o uso de matéria-prima reciclada ou orgânica, tingimento com corantes naturais, reaproveitamento de resíduos sólidos, cadeia produtiva local e 100% constituída por sertanejos, e geração de empregos e renda para a região.

Soul Dila - conjunto estampado folhagens - marcas brasileiras - Inverno 2022 - campanha - https://stealthelook.com.br
Foto: Soul Dila (Reprodução/Instagram)

soul dila

Se você ama marcas brasileiras de moda com uma pegada mega descolada e moderna, além da vibe praiana super alto astral, precisa conhecer a Soul Dila. Criada por três amigos, em 2008, de forma despretensiosa, a etiqueta produz peças super divertidas, como por exemplo as camisetas com expressões muito usadas na Bahia. Em constante crescimento, a Soul Dila também promove ações internas a fim de diminuir seus impactos ambientais, onde podemos destacar o uso de sobras de tecidos para a fabricação de subprodutos, como cachepôs, cangas - tingidas à mão -, bolsas e ecobags, e nécessaires. Os processos de estamparia são desenvolvidos de forma sustentável, como no caso da ECOPRINT, método que utiliza menos água. A seleção de fornecedores alinhados com seus princípios limpos também são pontos importantes para a marca.

LEIA MAIS:

10 marcas baianas de moda que você precisa conhecer já

Essas 6 marcas cearenses de moda são tão estilosas que você precisa ficar de olho

7 marcas de moda de Pernambuco para conhecer

5 marcas de moda do Rio Grande do Norte que você deveria conhecer

Você também vai gostar