Guia da depilação: tudo o que você precisa saber sobre depilação com cera

por Inaê Ribeiro

Nós já debatemos por aqui o quanto a depilação é uma escolha pessoal e que está tudo bem se você escolher não se depilar, mas há quem não abre mão do hábito e está sempre em busca da melhor maneira de realizá-lo. A depilação com cera é uma das mais comuns no nosso país, isso porque ela possui uma alta durabilidade e um custo benefício melhor que o laser, por exemplo. 

Apesar do fácil acesso, a depilação com cera gera algumas dúvidas e a principal delas é sobre como escolher entre a cera quente ou fria. Cada uma possui seus benefícios e propriedades, mas ainda assim elas podem ser agressivas para a pele, por isso alguns profissionais recomendam um tipo de cera para cada parte específica do corpo, prevenindo assim irritações, queimaduras e flacidez. Se você não sabia que dependendo da área do corpo a recomendação do tipo de cera é diferente ou ainda está em dúvida sobre a depilação com cera, vem com a gente que vamos te ajudar a entender melhor sobre o assunto.

Byrdie - depilação-com-cera-quente-fria-diferenca-beneficios - depilação com cera - verão - brasil - https://stealthelook.com.br
Foto: Byrdie (Reprodução)

cera quente

Um benefício da cera quente que faz com que muitas pessoas a escolha é o fato dela ser a opção menos dolorida quando comparada com a fria, já que ela dilata os poros, facilitando a remoção dos pelos. Além disso, a depilação com cera quente adere aos fios com mais força e firmeza, tornando-a ideal para remover fios mais curtos e mais finos na raiz. 

O grande perigo da cera quente é justamente a temperatura do produto. É preciso muito cuidado para que ela esteja no ponto correto, para que não haja queimaduras na pele. Ademais, esse tipo de cera pode causar manchas quando a pele é exposta no sol, principalmente em depilações no rosto. 

Devido ao fato dela aderir muito bem aos pelos e dilatar os poros antes da remoção dos pelos, as áreas mais recomendadas para o uso da cera quente são locais onde a pele é mais fina, delicada e os pelos mais grossos. Se você não gosta de esperar tanto entre uma sessão e outra, a cera quente pode ser a melhor opção.

Ashley Lynn - depilacao-nao-se-depilar-depilando-cera-quente-fria-cuidados - depilação com cera - verão - brasil - https://stealthelook.com.br
Foto: Ashley Lynn (Reprodução)

cera fria

A cera fria, por outro lado, não tem o risco das queimaduras, a não ser que ela seja aplicada repetidamente em uma mesma área e é indicada para áreas em que os pelos são mais finos e a pele menos sensível. Para aumentar a lista de benefícios, ela é também o método de depilação com cera que oferece uma durabilidade maior, podendo chegar até 30 dias, dependendo de cada pessoa. Por outro lado, a espera entre uma sessão e outra precisa ser maior, já que os pelos precisam estar com pelo menos 0,5 centímetros para que a depilação ocorra. 

Outra grande vantagem da cera fria é o fato de que ela pode ser encontrada em folhas, já prontas para o uso, logo é mais fácil fazer o procedimento sozinha, permitindo até mesmo levar o produto para uma viagem. Esse método é mais prático e faz menos bagunça, pois depois que usar aquela folha é só jogar fora. 

Além das folhas já prontas para depilação, você pode também adquirir a cera separadamente, controlando assim a quantidade de produto necessária para cada área do seu corpo. Como nem tudo é só vantagem, a depilação com cera fria é a opção mais dolorida e é comum que alguns pelos fiquem para trás e a repetição da aplicação na tentativa de removê-los pode causar irritações à pele. 

Lux Unfiltered - depilação-com-cera-quente-fria-diferenca-beneficios - depilação com cera - verão - brasil - https://stealthelook.com.br
Foto: Lux Unfiltered (Reprodução)

cuidados necessário

É claro que a decisão final a respeito de qual cera é a melhor opção parte de você, afinal é preciso avaliar se a dor é um quesito importante ou se você prefere uma alta durabilidade. O importante é que haja alguns cuidados pré e pós a depilação com cera para evitar irritações e até mesmo pelos encravados.

pré depilação

O primeiro cuidado antes da depilação com cera é preparar a pele com um sabonete que irá manter seus poros desobstruídos e livres de resíduos. A esfoliação química também é um passo importante tanto pré quanto pós depilação, escolha um com ácido glicólico, pois ele irá penetrar na pele, matando as bactérias e reduzir qualquer acúmulo que possa haver nos poros e folículos. Todos esses passos ajudam na redução dos pelos encravados e na despigmentação da pele. 

Após ter a pele limpa, sempre faça um teste com a cera escolhida, para ter certeza de que você não possui alergia ao produto.

pós depilação

Como já adiantamos, a esfoliação deve estar presente também no pós depilatório, porém, como a pele estará mais sensível, é recomendável que você aguarde cerca de três dias até realizar o procedimento. Você pode utilizar os químicos, mas utilizar uma bucha vegetal também é uma ótima opção, já que ela irá realizar uma esfoliação mais leve.

Além desses cuidados, é importante evitar o contato com o sol por alguns dias e quando for ter, sempre aplique o protetor solar. Vale também procurar por produtos que sejam destinados a um cuidado com a pele pós depilação, eles irão ajudar a acalmar a pele, evitando irritações.

Você também vai gostar