Por quê você deveria dar uma chance para a novo sucesso da Netflix: Bridgerton?

por Giulia Coronato

Se você entrou em qualquer rede social em 2021, com certeza está familiarizada com o nome Bridgerton. A nova produção original Netflix é a série do momento e já bateu recordes ao redor do mundo, se tornando a quinta maior produção original da história da plataforma de streaming

A série de época é baseada nos livros de Julia Quinn e produzida pela rainha da televisão americana, Shonda Rhimes. Com um quê de Gossip Girl e uma trama viciante, Bridgerton já acumula mais de 65 milhões de espectadores ao redor do mundo e promete se tornar um clássico da plataforma. 

Se você faz parte das pessoas que ainda não deu uma chance para a produção, eu prometo que vou te convencer depois de te mostrar esse 6 motivos. Vem comigo e já prepara a maratona: 

-             -             -             -             - https://stealthelook.com.br

_o enredo

Se você pensa que Bridgerton é só mais uma história de romance água com açúcar, onde os personagens principais se apaixonam e tudo são flores, você está completamente enganada. O enredo é muito mais complicado do que isso e conta com diversos empecilhos característicos da época e confrontos de interesse dos personagens principais. A personagem principal, Daphne, é prometida pelo irmão para um pretendente não-tão-atrativo, enquanto o mocinho desejado por todas as mulheres da cidade, o famoso Duque de Hastings, quer manter as pretendentes afastadas, pois não tem a menor intenção de firmar um casamento. Com isso, ambos fecham um acordo de fingir um relacionamento, mas é claro que as faíscas logo começam a surgir, e fica claro que o par está atraído um pelo outro. Mas com o Duque se recusando a aceitar a ideia de casamento e Daphne querendo logo começar uma família, como as coisas vão acabar?

A história é viciante e fascinante e nos prende logo de cara, nos fazendo morrer de amores e nos identificar com diversos sentimentos e acontecimentos do relacionamento "forjado". 

_o elenco diverso

It girls - Regency - Bridgerton - Verão - Street Style - https://stealthelook.com.br
Foto: Bridgerton (Reprodução/Netflix)

Apesar de se passar na época da Regência Britânica, os produtores de Bridgerton insistiram em inovar e trazer uma enorme diversidade para o elenco da produção, que conta com negros em posição de alto escalão da sociedade londrina, como é o caso de Simon Basset, o Duque de Hastings, protagonista da história interpretado por Regé-Jean Page. O drama também inclui Adjoa Andoh como Lady Danbury, que aborda a questão racial na série enquanto explica o privilégio e detalha como a Rainha Charlotte, que também é uma mulher negra, usou seu poder para elevar as pessoas de cor na Regência de Londres. Falando sobre a diversidade no elenco da série, o produtor executivo Chris Van Dusen disse: “Nosso show é para um público moderno, apresentando temas e personagens modernos, então tomamos liberdade em nossa re-imaginação.

A série foi muito criticada por ter colocado negros em posições de poder, indo contra a veracidade da história, mas é claro que a decisão foi extremamente pensada pelos criadores e produtores e é revigorante vermos tamanha representatividade em uma produção de época. "Nossa visão sobre raça na série é um exemplo de como misturamos história com um mundo ficcional."

Outro fator importante da decisão de trazer diversidade e representatividade para uma série de época, foram as evidências históricas de que a Rainha Charlotte foi a primeira rainha mestiça da Inglaterra, abrindo a mente dos criadores e mostrando que ignorar isso e criar uma série 100% branca, não era uma opção. 

_Lady Whistledown

-             -             -             -             - https://stealthelook.com.br
Foto: Bridgerton, Julia Andrews (Reprodução/Netflix)

Com um toque de Gossip Girl, no coração de Bridgerton está a infame Lady Whistledown, que usa um jornal impresso para contar seus segredos e ricas informações a respeito da sociedade da época. Suas palavras são lidas por todos na cidade, mas ninguém sabe quem é de fato, a misteriosa escritora. 

Todos os dias, os homens e mulheres de Londres esperam impacientemente por sua folha de fofocas que detalha quem foi pedida em casamento, quem desonrou sua família e quem tem um segredo a esconder. É inevitável ficarmos obcecados em descobrir quem é a misteriosa escritora, assim como os personagens da série. 

Para melhorar, Julie Andrews, lenda viva do cinema, dubla a voz de Lady Whistledown, trazendo mais vida e originalidade ao papel.

_o figurino

-             -             -             -             - https://stealthelook.com.br
Foto: Bridgerton (Reprodução/Netflix)

Se você, assim como nós, é completamente apaixonada pela história da moda e do vestuário, prepare-se para ficar obcecada pelo figurino de Bridgerton. Por ser uma produção de grande orçamento, como seria de esperar, a atenção aos detalhes é incrível, principalmente quando falamos do vestuário. Os vestidos elaborados, os penteados gigantescos e os acessórios minimamente escolhidos, são especialmente pensados para a personalidade de cada personagem. Como por exemplo, a personagem principal, Daphne, sempre é vestida em tons suaves de azul claro e branco, enquanto a família Featherington, poderosa que sempre se encontra no centro das atenções, opta por cores mais ousadas, como amarelos brilhantes e rosas.

O departamento responsável pelos figurinos da série, passou meses trabalhando incessantemente em cada detalhe das elaboradas produções que nos deparamos, desenvolvendo milhares de roupas do zero. A figurinista Ellen Mirojnick contou: “Nos primeiros seis episódios, apenas para personagens femininos, havia 359 figurinos cortados! Foi assustador quando o vimos pela primeira vez. Só para o primeiro episódio havia 100 figurinos femininos principais a serem feitos. Nunca vi números como esse em todos os anos que fiz isso".

_regencycore

-             -             -             -             - https://stealthelook.com.br
Foto: Simone Rocha, Hailey Bieber, Katie Monster (Reprodução/Instagram)

Além do figurino marcante, ao que tudo indica graças a série, teremos um revival do estilo característico da época da regência britânica, o regencycore, que nada mais é do que uma releitura mais contemporânea do vestuário da época. Desde o lançamento da série, as buscas por espartilhos aumentaram 123%, enquanto tiaras de pérolas e penas tiveram um aumento de 49%! Os vestidos com a silhueta da época também não ficam de fora, o modelo com cintura império, tiveram um aumento  de mais de 93% em plataformas especializadas em moda. 

Apesar do estilo não ser para todos, mostra o quão forte Bridgerton está sendo e será no comportamento e na indicação de tendências de diversos segmentos em 2021. 

_a trilha sonora

Uma das coisas que mais chamou minha atenção enquanto assistia a série, foi definitivamente a trilha sonora. Apesar de Bidgerton ser ambientada na era da regência, vocês irão se surpreender ao ouvir o hit Thank U Next de Ariana Grande tocando quando Daphne vai para um dos muitos bailes. Strange de Celeste e Wildest Dreams de Taylor Swift também aparecem como faixas instrumentais, que refletem perfeitamente as situações em que os Bridgertons se encontram. Se mostrando mais uma vez, uma releitura contemporânea e divertida da época.

Deixe um Comentário
Você também vai gostar