Um guia simples para deixar sua casa mais sustentável

por Sofia Stipkovic

O que você faz para o seu lar ser mais sustentável? Ou você nunca tinha parado pra pensar nisso? Aproveitando que ainda estamos na Semana Mundial do Meio Ambiente, te convidamos a repensar até as pequenas ações do dia a dia, especialmente agora que estamos em quarentena ou isolamento social, mais em casa do que nunca. Aqui vai um guia simples com algumas dicas para ter uma casa mais sustentável:

casa - decor - sustentabilidade - outono - em-casa - https://stealthelook.com.br
Foto: Foto: (Reprodução/Pinterest)

Aproveite o máximo que puder a luz solar e ao recorrer à eletricidade, opte por lâmpadas de baixo consumo. Embora custem um pouco mais caro, as lâmpadas de LED, por exemplo, chegam a gastar até 80% menos de energia e isso, a longo prazo, significa uma bela economia para o seu bolso e o meio ambiente. 

E aprenda a usar a decoração a seu favor. Pintar as paredes de branco, por exemplo, ajuda a refletir mais e melhor a luz e, assim, iluminar o ambiente de forma natural - mesmo se a sua casa não recebe tanta luminosidade.

crital - decor - sustentabilidade - outono - em-casa - https://stealthelook.com.br
Foto: Cristal Muniz (Reprodução/Instagram)

Sempre que puder, reutilize a água da máquina de lavar ou do tanque. Você pode usar para lavar o quintal, a varanda ou até os panos de chão em vez de abrir a torneira e gastar mais água limpa para isso. O mesmo pode ser aplicado para a água da chuva. Se você tiver espaço, pode coletar essa água e utilizá-la em outras tarefas cotidianas que não precisam de água tratada. 

Ainda sobre a limpeza de casa, busque alternativas menos químicas. Existem muitas receitas caseiras e naturais capazes de fazer o mesmo (ou até melhor!) trabalho que detergentes! Vale a pena seguir a Uma Vida sem Lixo para descobrir algumas.

comida - sustentabilidade - sustentabilidade - outono - em-casa - https://stealthelook.com.br
Foto: Uma Vida Sem Lixo (Reprodução/Instagram)

Compre os alimentos na sua casa com consciência e não com gula. Uma boa dica para evitar o desperdício de alimentos é se organizar, pesquisar receitas, tirar o melhor de cada produto e o que sobrar, você pode sempre congelar para usar de novo em outra ocasião. Por exemplo, sobraram legumes e verduras da salada e de outros pratos? Coloque num saquinho, congele e quando for fazer uma sopa, reutilize.

planta - decor - sustentabilidade - outono - em-casa - https://stealthelook.com.br
Foto: Foto: (Reprodução/Pinterest)

Treine a cabeça para sempre pensar em mais de uma utilidade para as embalagens a fim de reduzir o seu lixo. Afinal, nem sempre a opção mais sustentável do mercado é a mais acessível financeiramente. Mas podemos contornar essa situação reutilizando garrafas, potes, latas, entre outros em vez de simplesmente descartá-los no lixo. 

A garrafa de vidro, por exemplo, se torna vaso decorativo na sua sala; a garrafa de plástico pode virar um gotejador caseiro para molhar as plantas; os potes de maionese podem ser usados para organização de produtos de beleza e pincéis; as latas (assim como muitas outras embalagens) podem servir de vasinhos para uma horta em casa e por aí vai. As opções são infinitas! 

casa - sustentabilidade - sustentabilidade - outono - em-casa - https://stealthelook.com.br
Foto: Foto: (Reprodução/Pinterest)

Ainda sobre lixo, lembre-se de limpar e separar os recicláveis. E se na sua região, não existe uma coleta consciente, busque alternativas como aplicativos de catadores de resíduos recicláveis ou ONGs que fazem esse trabalho - você pode levar até eles ou combinar a coleta.

Parte do seu lixo orgânico também pode se tornar adubo para enriquecer o solo das suas plantinhas. E você pode fazê-lo com uma composteira em casa! Existem muitos tutoriais na internet que ensinam o processo e já há marcas que vendem esse equipamento, criado e adaptado para ambientes pequenos como um apartamento, por exemplo. E não, não tem cheiro ruim!

casa - plantas - sustentabilidade - outono - em-casa - https://stealthelook.com.br
Foto: Foto: (Reprodução/Urban Jungle)

Invista em ter plantas em casa, sim! Além de decorar e deixar o ambiente mais acolhedor, elas controlam o microclima local, ou seja, são capazes de tornar a temperatura do espaço mais agradável. Em outras palavras, em dias quentes, talvez você dispense o uso de ventilador ou ar-condicionado porque as suas plantinhas deixam a sua casa mais fresca. E mais, por conta da fotossíntese, elas purificam o ar. Só vantagens!

Por fim, é importante lembrar que mudar hábitos e adotar ações sustentáveis em casa é só um primeiro passo importante, mas não é tudo. É preciso fazer mais afinal, sustentabilidade envolve mais do que apenas a flora. É também pensar e falar sobre economia e o impacto social. Por isso, como dica bônus, ressaltamos que também é preciso votar com consciência ambiental! Escolha bem os seus representantes, pesquise dados, entenda as propostas e cobre ações governamentais. 

Você também vai gostar