6 formas de esfoliar o rosto sem agredir a pele

por Giulia Coronato

A esfoliação é um dos passos mais amados e valorizados pelas beauty junkies, principalmente durante o verão. O ato de esfoliar a pele, seja fisicamente ou quimicamente, tem como maior beneficio a renovação da superfície cutânea, pois elimina células mortas, deixa a pele mais lisinha e pronta para absorver a hidratação. Além de ser uma ótima forma de amenizar cicatrizes e melhorar a textura e aspecto da cútis. 

Sim, ela tem muitos benefícios mas, pode ser uma faca de dois gumes se não usada corretamente, com acompanhamento médico e muito cuidado. A pele de nosso rosto é uma das áreas mais sensíveis que possuímos, por isso, não devemos sair esfregando partículas ou ácidos na pele como se não houvesse amanhã, devemos buscar formas de esfoliar o rosto que não agridam e prejudiquem a saúde de nossa pele a longo prazo. E é isso que eu vou compartilhar com você hoje, 6 formas de esfoliar o rosto sem agredir a pele, para você não errar na hora de cuidar da cútis nesse verão! Vem comigo:

It girls - Esfoliante - Esfoliar - Primavera - Em casa - https://stealthelook.com.br
Foto: Kylie Skin (Reprodução/Instagram)


_atenção a periodicidade

A esfoliação não pode ser diária. Esfoliar o rosto todos os dias ou mais vezes do que o indicado pode agredir e prejudicar a pele muito mais do que ajudar e beneficiar. Os agentes esfoliantes presentes nos esfoliantes físicos, podem criar pequenos cortes na pele, abrindo espaço para infecções. Além disso, o ato também pode comprometer a camada hidrolipídica da pele, deixando a epiderme exposta à agressões externas, ficando mais sensível e até mais ressecada do que antes. O ideal é esfoliar o rosto uma vez por semana e caso seu dermatologista libere, dependendo do seu tipo de pele e de suas necessidades, duas vezes por semana é o máximo, para peles oleosas ou mais espessas. 

_aposte em esfoliantes químicos

Como o nome já diz, o esfoliante físico utiliza o atrito de partículas físicas a seu favor. A esfoliação física é a mais comum e retira as células mortas a partir do atrito com as partículas presentes no esfoliante em contato com a nossa pele. Enquanto o químico, não tem grânulos e funciona à base de componentes de PH ácidos que ajudam a descamar a pele, deixando-a com aspecto renovado e clean. A esfoliação química causa a remoção de células mortas por meio da descamação causada por uma substância química com ação esfoliante, como o ácido salicílico.

Por isso que uma das formas de esfoliar o rosto sem agredir a pele é apostando no esfoliante químico! Para quem tem pele sensível, as partículas e grânulos presentes do esfoliante físico, podem agredir a pele, criando um efeito reboot. E é aí que entra o esfoliante químico. Mas atenção, não saia comprando esfoliantes químicos sem antes passar em um dermatologista, a esfoliação química ainda é super intensa, por isso exige diversos cuidados. Pode ser usado em todos os tipos de pele, desde que bem indicada e acompanhada por um especialista. 

_não use ingredientes de cozinha

Você já deve ter se deparado com diversas receitas de esfoliantes à base de café ou açucar e para algumas áreas do corpo, como lábios, pés e cotovelos, elas podem funcionar muito bem, mas, quando se trata da pele do rosto, devemos ter mais cuidado. Ingredientes de cozinha, não foram feitos para serem aplicados no rosto, na maioria das vezes os grânulos do café, ou do açucar por exemplo, são maiores e mais irregulares do que as partículas presentes no esfoliante. Por isso, não é recomendado sair esfregando qualquer grão ou pó de cozinha no rosto, porque na maioria das situações, eles irão agredir sua pele.

_após a esfoliação, hidrate bem

A esfoliação, seja ela física ou química, elimina as células mortas e retira a oleosidade da pele, logo, simultaneamente causa o ressecamento. Por isso, é de extrema importância hidratarmos super bem a pele depois do processo! Pode ser interessante, nos dias que for fazer a esfoliação, investir em um hidratante mais potente ou mais espesso do que o normal, caso sua pele seja muito sensível ou seca. 

_separe rosto e corpo

Nunca use o mesmo esfoliante e as mesmas regras para rosto e corpo na hora da esfoliação. O esfoliante facial deve ser mais gentil e delicado do que o corporal e o tempo de aplicação também é diferente! Alinhe a periodicidade e o produto com seu dermatologista, antes de tudo e procure criar a rotina de cuidados ideal para você, seu tipo de pele e suas necessidades. 

corpo:

rosto:

_na hora da esfoliação, faça movimentos circulares e sem força

A esfoliação já é um processo intenso e possivelmente agressivo, então, na hora da aplicação, faça movimentos suaves e sempre circulares, sem ficar "esfregando" o produto no rosto, cuide para não aplicar força nas mãos, só o contato das partículas com o a pele, já é mais do que suficiente para a esfoliação acontecer. 

Então já sabe, uma das formas de esfoliar o rosto sem agredir mais certeiras que existem, é se atentando à movimentos gentis e circulares, sempre. 

STEAL THE LOOK ON instagram

Deixe um Comentário
Você também vai gostar