Moda dos anos 2000: estamos obcecadas pelo passado e qual o impacto disso em nossas vidas?

por Aline Santos

Já faz um tempo que venho olhando para o passado com um certo carinho e principalmente como uma forma de revirar o baú e encontrar novas possibilidades. E digo isso pela moda, é claro. Até ontem, a década de 90 estava bombando entre as principais coleções das semanas de moda, trazendo o minimalismo e o grunge de volta às passarelas e impactando diretamente nossos guarda-roupas meses depois. Porém, a história agora é outra e muito se deve à Geração Z, que decidiu reviver as tendências de moda dos anos 2000.

Se há dois anos você revirava os olhos para as calças de cintura baixa, as blusas com recortes sexy e os sapatos plataforma, talvez agora você provavelmente comece a sentir uma certa vontade de usar alguns desses itens acima - assuma! Falo por experiência própria, afinal, nunca pensei na possibilidade de voltar a usar um chinelo com sola tratorada.

Pinterest - moda dos anos 2000 - y2k - tendências - street style - https://stealthelook.com.br
Foto: Pinterest (Reprodução)

Em meio a guerra entre Instagram e TikTok, é inegável o quanto a plataforma chinesa bombou entre os jovens e se tornou um divisor de águas. Foi lá que a moda dos anos 2000 foi redescoberta, servindo de inspiração até mesmo para os grandes nomes de grifes internacionais e, logo em seguida, para as fast fashions ao redor do globo.

Destiny's Child - moda dos anos 2000 - y2k - tendências - street style - https://stealthelook.com.br
Foto: Destiny's Child (Reprodução/Pinterest)

Mas, a moda dos anos 2000 não é relembrada apenas pelas polêmicas roupas da época, ela também é comportamental e capaz de trazer possibilidades de um mercado melhor e mais sustentável. Reuso, rework e patchwork são temas tão relevantes quanto qualquer novidade tecnológica e, se antes não eram tão levados a sério, hoje são fatores determinantes para diversas marcas - das mais novas até as mais conceituais.

Além disso, essas técnicas manuais e artesanais serviram como válvula de escape para muitos durante o último um ano e meio, no qual ficamos reclusos em casa devido a pandemia. Colocar a criatividade em prática e transformar o velho em algo novo foi a solução para saciar o desejo de comprar coisas novas, além de um passatempo para nos distrair do contexto de pandemia e isolamento social. 

Naomi Campbell - moda dos anos 2000 - y2k - tendências - street style - https://stealthelook.com.br
Foto: Naomi Campbell (Reprodução/Pinterest)

Nas últimas semanas de moda, observamos uma crescente inclinação para essas temáticas sustentáveis, que visam trazer propostas de reaproveitamento de materiais para a criação de novas coleções. Isso é, sem dúvidas, um reflexo do passado nos tempos modernos.

Paris Hilton e Nicole Richie - moda dos anos 2000 - y2k - tendências - street style - https://stealthelook.com.br
Foto: Paris Hilton (Reprodução/Pinterest)

A moda dos anos 2000 pode ser ousada, com pele à mostra em abundância, roupas sensuais e ao mesmo tempo criativas, mas ela também é capaz de melhorar o mercado, os consumidores e a nossa forma de "ser" e "vestir". Deixo a reflexão de que resgatar o passado não é necessariamente dar passos para trás, mas aproveitar as experiências de outros tempos para construir uma nova realidade melhor e cheia de boas oportunidades. E que assim seja. Estamos nostálgicas, mas estamos evoluindo.

Deixe um Comentário
Você também vai gostar