O dicionário da moda sustentável: o significado das expressões usadas

por Giulia Coronato

A moda sustentável tem se tornado um assunto cada vez mais emergente e presente nas rodas de conversa. A cada temporada, vemos o quanto ter práticas sustentáveis dentro das empresas e também na forma como consumimos, não é mais um diferencial e sim uma necessidade. 

A moda é atualmente a indústria que mais polui e mais abusa dos recursos naturais e humanos e nós, como participantes do mercado - seja como atuante ou como consumidor - devemos nadar contra a correnteza e fazer tudo em nosso alcance para possuir uma relação mais sustentável com o nosso consumo e nosso guarda-roupa. Para te ajudar nessa missão, desenvolvemos o dicionário da moda sustentável, onde vamos desmistificar e explicar o significado de cada termo da sustentabilidade na moda. Vem com a gente e já prepara a cola: 

It girls - moda sustentável - moda sustentável - Outono - Runaway - https://stealthelook.com.br
Foto: Stella McCartney (Reprodução/Vogue Runaway)

_moda sustentável

Para começarmos o dicionário da moda sustentável, precisamos antes de tudo entender o que o termo em si significa. Em 1987 a ONU definiu sustentabilidade como: "Um desenvolvimento que atenda às necessidades do presente sem comprometer a capacidade das gerações futuras de atender às suas próprias necessidades." 

Com isso, entendemos que a moda sustentável se refere a uma abordagem mais ecologicamente correta e responsável para projetar, fabricar e consumir roupas, garantindo que causemos pouco ou nenhum dano ao nosso planeta e não esgotemos todos os recursos naturais a nosso alcance. A sustentabilidade na moda também foca no prolongamento da vida das roupas, utilizando materiais reciclados e itens de maior qualidade. 

_slow fashion

O slow fashion é o oposto do fast fashion, e ele consiste em um consumo mais lento, isso é, comprar menos, reduzir nosso consumo de roupa e focar em qualidade acima de quantidade, em vez de comprar todas as tendências do momento, compre algo que você vai usar durante muitos anos. O slow fashion é necessário para uma moda mais sustentável e também se concentra mais no estilo pessoal do que na moda coletiva, isso significa desenvolver um senso de gosto pessoal, em vez de seguir freneticamente todas as tendências do momento.

_minimalismo

O minimalismo é outro termo que se torna cada vez mais popular na moda sustentável, e levando em consideração os movimentos artísticos do século XX que levam o mesmo nome, já dá pra imaginar o que ele significa, né? O minimalismo é um lifestyle, que trata principalmente de reduzirmos a quantidade de coisas (no nosso caso, roupas) que possuímos. Não se trata de não ter nada, trata-se de ter menos. É focar no que importa, removendo o que você não está usando, livrando-se do excesso. Isso pode significar ter uma quantidade mínima de roupas em seu guarda-roupa se for o que parece certo para você, mas não é necessariamente isso. O minimalismo fala de ter somente o que você precisa, seja isso dois pares de calça, ou dez. 

It girls - moda sustentável - moda sustentável - Outono - Runaway - https://stealthelook.com.br
Foto: Ganni (Reprodução/Vogue Runaway)

_circular fashion

Circular fashion ou moda circular se refere as roupas que são produzidas e vendidas sem desperdício e poluição, mantendo o produto e os materiais que o constituem em uso constante e descartá-los somente quando necessário e de uma forma que se regenerem naturalmente no meio ambiente. A moda circular se afasta do modelo tradicional linear de negócios, comprar-usar-descartar e fala de algo literalmente circular, que não tem fim. 

_greenwashing

Greenwashing, quando traduzimos diretamente, significa "lavagem verde", mas na moda sustentável o termo representa empresas e marcas que dão uma falsa impressão de que seus produtos e ideais são mais éticos e sustentáveis ​​do que realmente são. O Greenwashing é mais comum do que parece e é uma preocupação crescente nos dias atuais, já que diversas empresas tentam se beneficiar da crescente demanda por roupas ecológicas e sustentáveis no mercado. Normalmente isso acontece em ações comerciais ou iniciativas supostamente "amigas do ambiente", como usar embalagens recicladas, parar o teste em animais, inserir coleções "conscientes", mas sem abordar questões ambientais e trabalhistas críticas e necessárias. 

_upcycling

O upcycling é um dos termos mais usados quando falamos de moda sustentável, mas apesar da palavra difícil, a definição é simples. O upcycling consiste em transformar resíduos, materiais ou peças antigas em algo novo, dando ao item uma nova vida útil. Não é um conceito novo, embora tenhamos ouvido falar cada vez mais sobre ele. Todas as nossas avós eram upcyclers, e reutilizavam e readaptavam itens antigos para fazer algo novo. A prática é excelente porque remove os resíduos do sistema; requer menos energia do que a reciclagem e, portanto, tem um impacto ambiental menor. Além disso, incentiva a criatividade e a inovação. Demais, né? 

_recycling

Não tem como falar de sustentabilidade sem falar de reciclagem, recycling - ou reciclagem - é a ação de converter o lixo em algo reutilizável. Por exemplo, algumas marcas transformam garrafas plásticas em fios para fazer suéteres, casacos ou camisetas. 

It girls - moda sustentável - moda sustentável - Outono - Runaway - https://stealthelook.com.br
Foto: Stella McCartney (Reprodução/Vogue Runaway)

_patchwork

O patchwork é nada mais, nada menos do que o trabalhar com retalhos de tecidos. É uma técnica de costura que une tecidos com formatos, cores e estampas diversas a fim de criar um novo material têxtil. Na moda sustentável ele é normalmente usado para reaproveitar retalhos e sobras de tecidos das marcas para criar algo novo e totalmente interessante. 

_transparência

Quando falamos de transparência dentro da moda sustentável, estamos falando de compartilhar abertamente informações sobre como, onde e por quem um produto foi feito. Ser transparente significa divulgar todas as informações sobre todos os processos de produção, do início ao fim, da colheita às vitrines. Uma marca de roupas só é considerada 100% sustentável e responsável quando possui uma política de transparência rígida e não-maleável. 

It girls - moda sustentável - moda sustentável - Outono - Runaway - https://stealthelook.com.br
Foto: Ganni (Reprodução/Vogue Runaway)

_second-hand

O second-hand, como a tradução já diz, são as peças de segunda-mão. Refere-se as roupas que já foram usadas, que tiveram um dono anterior e que foram doadas ou revendidas. E é uma das opções de moda mais sustentáveis ​​que existe, já que você está reduzindo seu impacto ao não comprar algo "novo" e sim uma peça que já existia. São aquelas roupas compradas em brechós, trocadas com uma amiga ou aquele item vintage que veio direto do armário da mãe ou avó. 

_cruelty-free

O cruelty-free já é um termo mais conhecido e ele significa exatamente o que a tradução sugere, "livre de crueldade". O termo é usado quando nos referimos a um produto (geralmente cosméticos e dermocosméticos) que não foram testados em animais. A Lush é um excelente exemplo de empresa com o selo cruelty-free!

Deixe um Comentário
Você também vai gostar