Por que você não deveria lavar o cabelo todo dia e qual a frequência ideal

por Inaê Ribeiro

Estamos cada vez mais conscientes das impurezas que existem à nossa volta, do quão é importante mantermos tudo higienizado e limpo - especialmente agora! - e, muitas vezes, tratamos nossa pele e cabelo da mesma maneira. Pecamos pelo excesso de limpeza, criamos o hábito de lavar o cabelo diariamente, queremos que toda e qualquer célula morta, qualquer sinal de oleosidade esteja fora do nosso corpo. 

Muitas pessoas acreditam que é necessário lavar o cabelo todos os dias justamente por essas razões, mas isso faz mal para a saúde dos fios. Conversamos com a cabeleireira Bárbara Giriotas e com a dermatologista Dra. Silvia Quaggio sobre quais são os efeitos de lavar o cabelo todos os dias e como encontrar a frequência ideal para termos um couro cabeludo saudável e fios lindos, brilhosos e volumosos.

Fei Fei Sun, Sasha Luss, Vanessa Moody - cabelos diferentes - lavar o cabelo - outono - brasil - https://stealthelook.com.br
Foto: Harper's Bazaar (Reprodução/Pinterest)

_preciso lavar os cabelos todos os dias?

Segundo a cabeleireira Bárbara, se você faz natação ou pratica atividade física diariamente, o ideal é lavar o cabelo todos os dias, mas deve evitar a água quente e utilizar o shampoo apenas uma vez. Outra dica importante é dada pela dermatologista Silvia Quaggio, que indica que você faça uma avaliação da sua raiz. Caso ela esteja oleosa todos os dias, o que acontece com mais frequência com quem pratica atividade física todos os dias e possui sudorese no couro cabeludo, a indicação é lavar todos os dias.

A sudorese é um “suor seco”, que causa uma camada de sal no couro cabeludo e nos fios, os deixando frisados e ressecados, caso contrário não lave-os todos os dias, pois irá tirar a proteção natural do couro cabeludo.

_quais são os efeitos de lavar os cabelos todos os dias?

Com o desgaste do shampoo, água quente e calor do secador, o cabelo perde suas estruturas de proteção que são várias camadas de cutículas - elas parecem placas duras feitas de queratina e, entre cada uma delas, existe uma outra camada de gordura, como explica Bárbara. O nosso cabelo possui essa proteção e ácido graxo que permitem às cutículas dilatarem e voltar à posição original.

Essas estruturas criam um cabelo com brilho, maciez e aspecto saudável. E se perdermos isso, os fios formam nós, desenvolvem frizz, pontas duplas e fica quebradiço, e não é só isso, também ficam porosos e frágeis.  

É importante lembrar que o couro cabeludo também é sensível e lavá-lo com muita frequência pode remover a camada lipídica de proteção, causando um desequilíbrio na produção de sebo deixando o couro cabeludo mais oleoso como um efeito de compensação a essa agressão.

_o que um couro cabeludo danificado pode causar?

Segundo a Dra. Silvia, existem várias doenças que agridem o couro cabeludo. A mais comum é a dermatite seborreica, a caspa. As possíveis causas para formação de caspa são diversas como estresse, água quente na lavagem, uso de bebidas alcoólicas e alteração hormonal, tudo isso desencadeia excesso de oleosidade local, o que deixa os fios mais oleosos.

Se você não possui predisposição a um couro cabeludo oleoso ou se ele não apresenta sensação de estar sujo, não lave, assim você mantém a hidratação que vai do couro cabeludo para os fios.

_quantas vezes por semana lavar o cabelo?

O ideal é não ficar mais de três dias sem lavar o cabelo, o lavando de duas a três vezes por semana. Se você fica muito tempo sem lavar o cabelo, isso pode alterar o PH do couro cabeludo, o deixando mais ácido. Caso você lave ele todos os dias é necessário fazer um detox capilar, isto é, fique por uma semana lavando-o menos do que já está acostumada, seguindo as dicas dadas.

_o número de vezes que preciso lavar o cabelo depende da curvatura do fio?

Os cabelos cacheados e crespos são naturalmente mais finos e menos oleosos. Portanto, deve ser evitada a lavagem diária para que seja mantida a hidratação natural dos cabelos - e vale lembrar que molhar o cabelo e reaplicar condicionador ou finalizador sem lavar também não é saudável. A dica oferecida por Bárbara é o uso de produtos leves de day after apenas nas pontas ou o investimento em um finalizador com maior fixação ao fazer a fitagem no dia que lavar. 

Já os cabelos lisos e ondulados possuem a tendência de ter a raiz mais oleosa, isso porque o bulbo capilar é mais aberto, logo há maior saída da glândula sebácea, então estes normalmente precisam lavar o cabelo mais vezes durante a semana. 

Deixe um Comentário
Você também vai gostar