Precisamos falar sobre os artistas negros criadores do rock

por Inaê Ribeiro

Essa semana tivemos o Dia Mundial do Rock e por mais que nosso imaginário geral associe o ritmo com pessoas brancas, como Elvis Presley sendo o precursor e rei do movimento, essa não é a história real. Na verdade, foram os artistas negros responsáveis pela criação do gênero musical. É impossível negar que são várias as histórias e setores onde as pessoas negras têm as suas participações históricas apagadas, onde o protagonismo é dado para pessoas brancas e muitas delas nem sequer sabem o que de fato aconteceu décadas atrás, como é o caso do rock

Não há data melhor do que a semana do Dia Mundial do Rock para conhecer a história real atrás deste gênero, por isso, hoje te convidamos a mergulhar nessa memória e descobrir como o movimento iniciou e quais foram os principais artistas negros que desenvolveram esse ritmo tão amado mundialmente.

Sister Rosetta Tharpe - artistas negros - artistas negros - inverno - brasil - https://stealthelook.com.br
Foto: Sister Rosetta Tharpe (Reprodução)

_o início

O rock 'n' roll é um estilo de música que nasceu como uma vertente do Blues, ritmo musical que é a essência de vários outros e de toda a música negra estadunidense. Até a década de 1930, o Blues era um estilo de música bastante rural, com uso de violão acústico e instrumentos percussivos, mas com o passar dos anos e a mudança dos artistas negros para as grandes cidades, o ritmo também se adaptou ao novo estilo de vida, aderindo aos microfones e guitarras elétricas. 

Todas essas mudanças, unidas aos desejos de jovens negros, fez com que um novo gênero musical fosse lançado, o Rythm & Blues, hoje chamado de R&B. Durante a década de 1940, esse estilo foi se desenvolvendo e produzindo novas vertentes e subgêneros, sendo um deles o rock 'n' roll . A verdade é que não há uma pessoa responsável pela criação da categoria sonora, mas sim diversos artistas negros que foram experimentando e ousando no ritmo, até chegar no que conhecemos hoje e abaixo você conhece alguns deles.

_sister rosetta tharpe

Hoje, o estilo tocado por Sister Rosetta Tharpe não é considerado rock, mas nos início dos anos 40, suas músicas dedicadas a Deus e a igreja, repletas de riffs de guitarra, seriam o início desse novo gênero musical. 

Considerada a mãe do rock, Rosetta Nubin, não só foi a precursora do ritmo como também foi uma das únicas mulheres que, naquela época, podia tocar guitarra. Sua música tem sim muita influência do jazz e blues, mas foi em 1944, quando lançou a música “Strange Things Happening Every Day”, que o cenário mudou, sendo considerada por muitos como a primeira gravação da história do rock and roll.

_chuck berry

Autor de canções como "Johnny B. Goode", "Roll Over Bethoven", "Maybellene", "Sweet Little Sixteen" e "School Days", Chuck Berry nasceu nos EUA em 1926, e é citado por muitas bandas e artistas até hoje como uma das maiores influências do rock, sendo uma das principais figuras para popularização do gênero nos anos 50. 

Suas músicas falam sobre a vida na escola, carros e romances adolescentes e, além disso, incentivam a dança, com uma mistura de Rhythm & Blues e country, tão típicos do rock and roll da década de 1950, tornando-o um dos maiores artistas negros do mundo e super importante para história do rock.

_ike turner

Ike Turner foi um músico instrumentista, cantor, compositor e produtor musical, considerado como um dos pioneiros do rock nos anos 50, mas foi nas décadas de 1960 e 1970 que seu trabalho ficou mais conhecido através de sua dupla com sua esposa Tina Turner como Ike & Tina Turner, um dos maiores artistas negros. Quando falamos de Tina, não podemos desconsiderar o fato de que Ike era abusivo e violento com sua esposa, e por isso hoje não o aplaudiríamos, mas ele teve sim um grande papel na construção do rock and roll.

_jimi hendrix

Impossível falar da história do gênero musical e ainda sobre o papel dos artistas negros sem citar Jimi Hendrix. O maior guitarrista da história teve uma carreira musical curta, que durou apenas entre os anos de 1966 e 1970, quando o gênero já havia se tornado um estilo branco. Composições geniais, facilidade para transitar entre  Funk, o Jazz Fusion e o Soul e solos de guitarras que deixam qualquer um boquiaberto, são características do artista que é considerado uma das maiores referências negras na música e que gerou grandes padrões estéticos que até hoje são seguidos. 

Para os estudantes de música, é clara a influência do artista nas carreiras que após ele surgiram e tanto fizeram sucesso como do veterano do jazz, Miles Davis e do tão poderoso Stevie Wonder.

Deixe um Comentário
Você também vai gostar