RAIO X DA PERSONAGEM: 8 lições de estilo com Arabella em I may destroy you

por Beta Weber

As roupas que usamos contam uma história. Feche os olhos e pense nos seus personagens favoritos de séries e filmes, como eles estão vestidos? Aposto que tem looks específicos que vem à mente. Pense nos seus melhores amigos? Também devem ter itens que vocês conectam à eles. Dá para saber muito da personalidade de cada um ao observar as peças que eles escolhem usar, a cartela de cores, os acessórios…Nessa coluna, a cada edição, analisamos o estilo de alguns dos nossos preferidos da ficção, investigando quais mensagens eles passam através de suas produções e óbvio, como podemos aproveitar esses insights para nossas vidas e guarda-roupa. Nossa pauta da vez é Arabella Essiedu, personagem de Michaela Cole em I May Destroy You, disponível na HBO.

A arte existe para que a verdade não nos destrua e no caso da magistral obra de Cole, ela existe para auxiliar no processo de cura de um trauma e investigar emoções vividas pela genial inglesa que além de estrelar a série, também leva créditos de produtora executiva, roteirista e co-diretora. Ao invés de tragicomédia, trauma-comédia é o termo melhor criado pra definir os 12 episódios que são diferentes de tudo que você já assistiu, mas provavelmente assustadoramente similares com coisas que você já viveu ou viu pessoas próximas viverem. Baseado em fatos reais acontecidos com a própria, acompanhamos a trajetória de Arabella, uma influencer millennial que vira autora de best-seller e durante o processo de escrita de seu segundo livro, vê sua vida mudar em uma noite, quando decide sair com amigos e acorda no outro dia sem lembrar de nada. Aos poucos, com flashbacks confusos e algumas pistas, ela vai reconstruindo seus passos e percebe que sofreu abuso sexual enquanto estava inconsciente. Sem poupar o espectador, mas encontrando o tom certo entre entreter e provocar, somos testemunhas de todos altos e baixos enfrentados pela personagem e seus amigos, abordando temas como consentimento, identidade de gênero, raça e sexualidade. A série não estimula um pensamento binário, evitando vilões e mocinhos: Ninguém na tela é perfeito ou tem atitudes sempre impecáveis. O objetivo parece ser explorar as nuances do ser-humano, em toda sua complexidade, buscando mostrar pessoas em aprendizado, incluindo suas dúvidas, erros e acertos. Energética e inesquecível, I May Destroy You é uma das melhores séries dos últimos tempos e merece ser maratonada já.

A figurinista, Lynsey Moore, executa de forma brilhante um armário cuidadosamente construído que age como mais uma peça do quebra-cabeças, se unindo à teia de elementos que vão se conectando e desenhando a realidade dura, mas também libertadora de um tema urgente e por isso mesmo, desafiador e muitas vezes difícil de assimilar em toda sua grandiosidade. Tudo em Bella é potente, então detalhes statement precisam permear seus looks e dar suporte para a narrativa que vai além de suas falas e ações, bem como comentamos aqui, ela usa suas roupas para afirmar quem é ao mundo: a encontramos tentando se entender e isso se extende às experimentações no guarda-roupa se descobrindo e redescobrindo após o fato que alterou sua vida. Formado por um mix de vintage e fast fashion, as escolhas não são necessariamente trendy e parecem atender apenas ao gosto individual da personagem que dá o seu twist até em itens mais tradicionais. Ousado, confiante, repleto de referências interessantes, Arabella transita por seus moods, criando looks que enchem os olhos e nos ajudam a entender seu estado emocional mesclando força e vulnerabilidade. Abaixo 8 lições de estilo que são inspiradoras, vem ver:

Arabella - I may destroy you - séries - inverno - street style - https://stealthelook.com.br
Foto: Arabella (Reprodução/I May Destroy You)


1- Peças que viram marga registrada: As vezes, o look só precisa de um item para ficar com a sua cara, no caso dela, o casaco de pelúcia com print de olhos nas costas é o curinga que a ajuda a dar seu toque individual à qualquer combinação. Com vestido estampado ou camisa vintage, jeans e camiseta básica, a jaqueta é companhia constante, servindo como armadura protetora e elemento que a reconecta consigo mesma trazendo aconchego e familiaridade.

Arabella - I may destroy you - séries - inverno - street style - https://stealthelook.com.br
Foto: Arabella (Reprodução/I May Destroy You)

2- As calças baggy: A silhueta favorita de Arabella, o modelo baggy, é cômodo e voltou a ser hit recentemente. Em jeans, sarja ou jogger, ela adora marcar a cintura com cintos especiais e brincar com proporções. O modelo é típico da moda do fim dos anos 90 e início dos anos 2000, período que mais parece ter influenciado o estilo da personagem de I May Destroy You, pense na estética de bandas como TLC e referencias esportivas e de streetwear.

Arabella - I may destroy you - séries - inverno - street style - https://stealthelook.com.br
Foto: Arabella (Reprodução/I May Destroy You)

3- Os sapatos confortáveis : Conforto é requisito que ela não abre mão e isso fica claro através das suas escolhas de calçados, passando a maior parte do tempo variando entre coturno e tênis. Ela adora adicionar peso às composições, garantindo personalidade instantânea e contrastando com itens mais chamativos ajudando a equilibrar as produções e emprestando um ar cool.

Arabella - I may destroy you - séries - inverno - street style - https://stealthelook.com.br
Foto: Arabella (Reprodução/I May Destroy You)

4- Feminino com toques militar: Em um dos momentos mais emblemáticos da série, quando ela vai falar publicamente em um evento de sua editora, seu look composto por cardigan vintage estampado com ombros marcados (a figurinista conta que deixou os ombros ainda mais enunciados para comunicar poder), é combinado com calça cargo e coturnos e arrematado por batom vermelho. Uma verdadeira aula sobre como misturar militarismo com feminilidade em um resultado lindo e zero clichê.

Arabella - I may destroy you - séries - inverno - street style - https://stealthelook.com.br
Foto: Arabella (Reprodução/I May Destroy You)

5- Knitwear: Cardigans, tricôs e malhas são constantes em suas escolhas fashionistas aliando conforto e personalidade já que todos tendem a ter texturas interessantes, padronagens e paleta de cores marcantes.

Arabella - I may destroy you - séries - inverno - street style - https://stealthelook.com.br
Foto: Arabella (Reprodução/I May Destroy You)

6- Utilitarismo: Calças cargo e parkas são onipresentes em suas composições, assim como a cartela de tons militares como cáqui e verde oliva. Fã de hi-lo, ela arrasa no contraste de peças combinando modelos práticos com itens de apelo distinto: como a calça utilitária com blusa transparente em uma festa ou jogando a jaqueta de inspiração militar por cima da camisa de seda.

Arabella - I may destroy you - séries - inverno - street style - https://stealthelook.com.br
Foto: Arabella (Reprodução/I May Destroy You)

7- Valorize o vintage: Essa é uma lição recorrente dessa coluna e do STL, brechós são fontes inesgotáveis de tesouros que ajudam a enriquecer nossos looks. Bella tem um estilo prático e usa muitas peças básicas que são frequentemente elevadas através de achados vintage.

Arabella - I may destroy you - séries - inverno - street style - https://stealthelook.com.br
Foto: Arabella (Reprodução/I May Destroy You)

8- Cabelos: São parte vital da identidade da personagem, já que seus fios também acompanham suas evoluções. Do ombré rosa dos primeiros episódios à cabeça raspada e perucas variadas, as opções são inúmeras. Michaela conta que era essencial honrar essa parte tão fundamental da cultura negra e pouco explorada nas telas, apesar de sua importância no dia a dia de tantas mulheres. Acessórios como lenços e chapéus também marcam presença e ajudam a finalizar seus looks.

STEAL THE LOOK ON instagram

Deixe um Comentário
Você também vai gostar