Tudo o que você precisa saber antes de comprar um sabonete facial

por Giulia Coronato

A limpeza é definitivamente um dos passos mais importantes e indispensáveis de nossa rotina de skincare, se não o mais. Ao não limparmos corretamente nossa pele é mais provável que venhamos a ter acne, manchas e outras doenças cutâneas, além de que uma pele higienizada absorve muito mais os produtos aplicados nos passos seguintes do skincare, como hidratantes, séruns e tônicos. Fazendo além de tudo, valer mais ainda, nosso investimento.

Por ser o primeiro e mais indispensável passo, a limpeza dita como será a saúde de nossa pele e requer os produtos corretos e mais funcionais para nossas necessidades. Logo, é de extrema importância investir em um sabonete facial de qualidade que supra todas as necessidades de nossa pele.

Mas será que você já tem todas as informações necessárias para investir no sabonete facial ideal para o sua rotina de skincare? Usar um produto "errado" pode ser muito mais prejudicial do que simplesmente gastar dinheiro à toa, aplicar produtos para um tipo de pele que não seja o seu, pode impactar diretamente na saúde de sua pele e no pior dos casos, até gerar uma doenças e feridas. Por isso, hoje nós montamos um guia bem completo de tudo o que você precisa saber antes de comprar seu sabonete facial. Vem comigo que não tem erro:

It girls - Sabonete facial - Skincare - Primavera - Em casa - https://stealthelook.com.br
Foto: Sara Sampaio (Reprodução/Pinterest)


_identificar o seu tipo de pele

O primeiro passo antes de iniciar uma rotina de skincare e investir em produtos para sua pele é saber ao certo qual o seu tipo de pele. Ok, isso parece fácil e você deve achar que todo mundo já sabe qual o tipo da própria pele, mas não é bem assim. Muitas pessoas tem uma percepção errada e acaba comprando produtos errados, que podem danificar a pele e até causar lesões e acne. Por isso é tão importante ter um diagnóstico correto da cútis e sempre contar com o acompanhamento de um dermatologista. Abaixo vamos citar algumas características de cada tipo de pele para te dar um direcionamento: 

Pele oleosa: possui aspecto brilhante em toda a extensão do rosto, poros constantemente dilatados e maior tendência a cravos e espinhas. No Brasil, o clima contribui para o aumento da oleosidade na pele, mas a maioria das pessoas que acreditar ter pele oleosa, tem na verdade, pele mista, com pontos oleosos. Uma pele oleosa é quase sempre uma pele desidratada, a falta de hidratação causa um ressecamento e a pele entende que precisa produzir mais sebo, aumentando a oleosidade.

Pele seca: a perda de água e hidratação em excesso caracteriza a pele seca. Possui poros pouco visíveis, pouca iluminação e é mais propensa a é mais propensa à descamação e vermelhidão. Em pessoas de pele seca é mais comum vermos o aparecimento precoce de linhas de expressão e envelhecimento precoce da cútis. Necessita de um cuidado especial muito focado em hidratação e restauração da camada natural da pele.

Pele mista: o tipo de pele mais comum entre as brasileiras. A pele mista possui características da pele oleosa na zona T (testa, nariz e queixo) e características da pele seca nas bochechas e em volta dos lábios. Apesar de praticamente ser dois tipos de pele em uma só, quem tem pele mista normalmente possui mais facilidade em encontrar produtos ideais para suas necessidades. 

Pele sensível: a pele sensível pode ser combinada com outro tipo de pele, por exemplo, eu tenho pele super sensível e oleosa. Ela se caracteriza por ser intolerante e reativa, tendo uma não tolerância a grande parte dos dermocosméticos. Está muito ligada à condições como a rosácea e pode apresentar vermelhidão, coceira e até pequenas feridas como resposta imune.  

_qual o sabonete ideal para cada tipo de pele?

Se você tem pele oleosa: o sabonete facial adstringente é fundamental para combater o excesso de sebo e sempre prefira sabonetes líquidos com controle de oleosidade ao invés do em barra, pois eles costumam ressecar a pele, procure por ativos como: ácido salicílico, glicólico, zinco e nicotinamida, que ajudam no controle da oleosidade e possuem ação anti-inflamatória. Combinado com o sabonete, invista em um hidratante para peles oleosas, evitando o efeito rebote. 

Se você tem pele seca: esse tipo de pele, necessita de um enorme cuidado na hora de escolher o sabonete, pois uma escolha errada pode resultar em descamação e irritação da pele. Procure por um produto gentil e hidratante, sabonetes à base de óleo ou outras propriedades hidratantes, como manteiga karité, lanolina, e extrato de uva são ótimas opções. 

Se você tem pele mista: o ideal é apostar em sabonetes com ativos para controle da oleosidade em concentrações menores do que o recomendado para peles oleosas. Dessa forma, você evita a sensibilização da pele e o desequilíbrio entras as áreas oleosas e secas. Por incrível que pareça, sabonetes para pele mista são os mais fáceis de encontrar e o esforço maior terá que vir nos outros passos da rotina.

Se você tem pele sensível: se sua pele é sensível ou está passando por uma fase sensibilizada, fique longe de produtos agressivos. Opte pelo sabonete em gel e fique atento para partículas físicas de esfoliação que podem estar presente na composição do produto. A esfoliação física é praticamente proibida para peles sensíveis! Propriedades calmantes também são boas opções, como o extrato de camomila e erva-doce.

_líquido, em gel ou em barra?

A variedade de sabonetes faciais que existem em farmácias e mercados é praticamente infinita, o que pode dificultar na hora de escolher o ideal para você. Agora que você já identificou o seu tipo de pele e já sabe quais propriedades e ativos devem ter na composição do seu sabonete facial, chegou a hora de saber a diferença entre sabonete líquido, em barra ou em gel. Porque sim, isso também difere e impacta diretamente na saúde da sua pele. A maior diferença entre o sabonete líquido e o em barra está no pH. Enquanto o pH do sabonete líquido é mais próximo ao da pele o em barra tende a ser mais alto e alcalino, proporcionando uma limpeza mais agressiva e profunda (por isso que normalmente usamos sabonete em barra para a pele do corpo). Já o em gel, é o mais gentil e suave de todos, possui um pH fisiológico e não agride a pele durante a limpeza. Outro ponto positivo dos sabonete líquidos é que normalmente eles possuem ativos hidratantes na composição e aplicação do produto tende a ser mais fácil e prática. 

_quantas vezes por dia devo lavar o rosto?

Quantas vezes e qual hora do dia é a melhor para lavar o rosto? A frequência de higienização da pele do rosto é outro fator que impacta (e muito) na saúde de nossa pele. Lavar o rosto mais ou menos do que o recomendado pode causar doenças cutâneas, aumentar a produção de sebo ou para quem tem pele seca, ressecar e descascar a pele. O indicado por dermatologistas é lavar o rosto 2 vezes ao dia, logo que acorda e antes de dormir, seguido pela rotina de skincare recomendada para você e suas necessidades. 

_hábitos para eliminar no ato de lavar o rosto

Além do sabonete facial escolhido e da frequência da higienização da pele, outros fatores podem impactar diretamente o ato de lavar o rosto, como lavar com água quente, o ideal é não associarmos a limpeza da pele com o banho. Reserve um momento do dia para sua skincare, usando sempre água fria para a limpeza da pele.

Outro ato que pode prejudicar e irritar a cútis é esfregar a toalha na hora de secar o rosto. Em vez de esfregar a toalha contra a pele, dê batidinhas leves sobre o rosto, para evitar atrito e vermelhidão ou melhor, deixe secar ao natural. 

_para peles oleosas

_para peles secas

_para peles mistas

_para pele sensível

STEAL THE LOOK ON instagram

Deixe um Comentário
Você também vai gostar