Desmistificando o pole dance: o que é, quais os benefícios e como praticar

por The Look Stealers

Você provavelmente já viu alguém praticando ou tentando praticar o pole dance, e querendo ou não, já ligou a prática a algo sexualizado ou sexy, certo? Apesar dos preconceitos e maus olhares, o pole dance é uma forma de dança e ginástica extremamente difícil e complexa, que exige uma grande quantidade de força e dedicação. Originário da Inglaterra nos anos 1980, ele foi popularizado e introduzido em Portugal no início do século pela escola Círculo de Dança de Lisboa e desde então só ganha mais adeptos e apaixonadas pelo esporte. 

Para entendermos um pouco mais do pole dance e de seus benefícios, fomos atrás de uma expert! Evelyn Sotam é dançarina, pole dancer e yogi e assim como muitas outras mulheres, tem a prática como um hobbie e um tratamento para sua saúde, física e mental. Então, se você sempre teve curiosidade em fazer, continue aqui e desmistifique a prática: 

It girls - pole dance - pole dance - Primavera - Em casa - https://stealthelook.com.br
Foto: Evelyn Matos (Reprodução/Instagram)

__primeiramente, se apresenta pra gente e conta um pouco do seu trabalho!

E.M.: "Me chamo Evelyn Matos, tenho 29 anos, sou publicitária e arte educadora. Já trabalhei com dança, dando aula de alongamento e flexibilidade, ballet e dança criativa para crianças. Hoje trabalho em uma agência, e sou project analyst. Durante a pandemia comecei criar alguns conteúdos de alongamento e cuidados do corpo, de um jeito bem simples para todo mundo poder me movimentar."

__o pole dance é uma dança super antiga, qual a origem da prática?

E.M.: "Pra ser sincera, eu não sei bem a origem e a história, mas sei que tem influência de um esporte da Índia, do Mastro Chinês, da Dança. As mulheres que usavam o pole dance em clubes há décadas atrás foram grandes influenciadoras para o crescimento da prática, elas correram para gente poder andar."

__por que você acredita que ele é tão sexualizado no Brasil?

E.M.: "Eu acho que tudo que a mulher faça com segurança é um problema no Brasil. Ainda mais quando envolve movimentação de corpo, pele aparecendo, talvez algum apelo mais sensual, é motivo para ser sexualizado e julgado. O Brasil (e acredito que muito lugares no mundo) tem essa visão, pois para o país é um absurdo a mulher ficar ali "quase pelada" se esfregando em algo. A mulher que está no pole dance sempre se sente confiante, em sua maioria confortável com seu corpo, se amando, completamente poderosa e isso incomoda as pessoas que têm um pensamento machista, seja homem ou mulher. Afinal, não fomos ensinadas a se amar e apoiar mulheres, né? Mas, que bom que existem pessoas que vão contra isso e estão cada dia mais plantando uma sementinha para que as coisas possam mudar. Fico feliz em fazer parte disso."

__quais os benefícios da prática para o corpo?

E.M.: "O pole dance traz benefícios tanto físicos, quanto mentais para nós. Físicos pois é um exercício e qualquer exercício é ótimo para o corpo, seja seu alongamento matinal quanto uma atividade. Movimentar o corpo, trabalhar força, resistência, coordenação motora, torções do corpo, isso ajuda muito a manter seu corpo ativo, presente, trabalha as articulações e liberam varias coisas que dão energia pro seu dia. Mentalmente pois é um momento totalmente dedicado para você! É muito difícil a gente parar e se perceber, e na prática do pole dance isso fica mais possível do que nunca, porque estamos trabalhando tudo do nosso corpo, mas também, nos olhando no espelho, e vendo que aquele corpo é capaz de fazer coisas que você nunca achou que conseguiria, e isso é um baita caminho em direção ao reconhecimento de ser capaz."

__e para a saúde?

E.M.: "Como falei antes, ele ajuda a estimular muitas coisas do corpo. Ajuda muito no metabolismo e é PER-FEI-TO pra quem não gosta de academia. Nunca indico o pole dance pra emagrecimento pois acho que não é sobre emagrecimento. Mas qualquer exercício feito com frequência, junto com muita água, boa alimentação e práticas saudáveis, ajuda desinchar o corpo, a ter mais qualidade de vida, e consequentemente, isso gera perda de medida. Mas não acho que isso tem que ser o objetivo! Se for para manter o corpo ativo, ter uma vida saudável, ativa e ajudar a liberar loucuras da mente, o pole dance é perfeito!"

__você considera o pole dance um esporte?

E.M.: "Com certeza! O pole dance tem diferentes vertentes e isso é maravilhoso, seja mais focado no esporte/fitness quanto no sensual pra quem curte mais essa pegada. Assim como outros esportes, o pole trabalha o corpo como um todo, é algo que precisa de dedicação para alcançar objetivos, não é só rodar nele. E os movimentos são BEM difíceis, e necessitam de todo um cuidado, treinamento, sempre com treinador ou professor ali com você."

__se sim, o que acha da movimentação e fazê-lo virar um esporte olímpico?

E.M.: "Isso é um sonho! Seria incrível! Eu até imagino como seria a reverberação se isso acontecesse. Assim como o skate, que é um esporte super marginalizado, fez um boom nas Olimpíadas que ninguém imaginava. Foi um sucesso! O mundo todo parou pra torcer pelo skate e foi incrível. Com o pole dance acho que seria parecido, as pessoas não enxergam como esporte e depois que ver como é lindo, trabalhoso e como prende sua atenção ver aquilo, com certeza iriam amar e finalmente reconhecer a prática."

__por último, o pole dance é para todos? ou existem restrições?

E.M.: "Com certeza, para todos! Claro, se você estiver grávida ou tiver alguns problemas de saúde, é bom procurar um médico, pois é um esporte que usa muita força, os ombros carregam bastante peso dependendo da modalidade, você fica de ponta cabeça, entre outras coisas. Talvez não seja o ideal fazer um pole fitness, e sim um pole que explore mais a dança, algo mais no chão. Então acho que é importante fazer essa avaliação dependendo da sua restrição. Mas, na maioria das vezes, basta querer!"

Deixe um Comentário
Você também vai gostar